Programa de compensação de emissões de dióxido de carbono

Projeto certificado apoiado

Projeto Ecomapuá

Este projeto contribui para a conservação de cerca de 90 mil hectares da floresta da Amazónia proibindo a extração de madeira, uma das principais causas da desflorestação da região. O projeto aposta na formação das comunidades locais incentivando práticas agrícolas mais sustentáveis e promovendo outros meios de subsistência como por exemplo: criação de aviários, tanques de piscicultura, apiários.

Localização: Estado do Pará, Brasil
Tipo: Redução de emissões decorrentes de desflorestação e da degradação de florestas (UN-REDD+)
Créditos: Normas de Carbono Voluntário (VCS) e CarbonoSocial®

Projetos certificados já apoiados

Projeto Florestal Santa Maria

Este projeto promove a proteção de 77 mil hectares da Floresta Tropical Amazónia nativa, sujeitos a pressão de desflorestação com consequente perda de biodiversidade. No âmbito do projeto está a ser trabalhado com as comunidades locais um modelo que gera emprego mas de forma sustentável para a floresta, com formação específica em produção de madeira sustentável, travando explorações ilegais e protegendo a flora e fauna locais.

Localização: Fazenda Florestal Santa Maria, Estado do Mato Grosso, Brasil
Tipo: Redução de emissões decorrentes de desflorestação e da degradação de florestas (UN-REDD+)
Créditos: Normas de Carbono Voluntário (VCS)


Projeto Biomassa IRANI

A central de biomassa Irani é um projeto de energia renovável localizado no município de Vargem Bonita, Estado de Santa Catarina, Brasil. O projeto consiste numa central de biomassa de 9,43 MW que gera eletricidade necessária ao processo de fabrico de papel da Fábrica de celulose Irani. Neste caso, para além de estar a ser gerada eletricidade através de fontes neutras em emissões de gases com efeito de estufa são também evitadas as emissões de metano provenientes da não deposição de biomassa em aterro.

Localização: Vargem Bonita, Estado de Santa Catarina, Brasil
Tipo: Central de Biomassa
Créditos: Certificados de Emissões Reduzidas (CER)


Projeto Central Elétrica Mini-Hídrica Furnas do Segredo

A Central Elétrica Mini-Hídrica Furnas do Segredo é um projeto de energia renovável localizado na cidade de Jaguari no Estado do Rio Grande do Sul, Brasil. O projeto consiste numa central mini-hídrica a fio-de-água, com a potência de 9,8 MW, ligada à rede elétrica, que está registado como Mecanismo de Desenvolvimento Limpo segundo a Convenção Quadro das Nações Unidas sobre as Alterações Climáticas. Não foram encontrados impactes ambientais negativos deste projeto que evita a emissão de CO2 e contribui para o desenvolvimento local e regional da região.

Localização: Jaguari, Estado do Rio Grande do Sul, Brasil
Tipo: Central Elétrica Mini-Hídrica
Créditos: Certificados de Emissões Reduzidas (CER)


Projeto Hidroelétrico Braço Norte

O Projeto Hidroelétrico Braço Norte é um projeto de energia renovável localizado no norte do Estado de Mato Grosso, Brasil. O projeto consiste numa central mini-hídrica a fio-de-água ligada à rede elétrica local, que está registado como Mecanismo de Desenvolvimento Limpo segundo a Convenção Quadro das Nações Unidas sobre as Alterações Climáticas. A central mini-hídrica tem uma potência instalada de 14 MW e utiliza a água do rio Braço Norte, um afluente do Rio Amazonas. Ao substituir eletricidade gerada a partir de petróleo ou carvão, o projeto reduz a emissão média anual de 45.000 toneladas de CO2.

Localização: Mato Grosso, Brasil
Tipo: Central Elétrica Mini-Hídrica
Créditos: Certificados de Emissões Reduzidas (CER)


Projeto Hidroelétrico Aquarius

Projeto Hidroelétrico Aquarius é um projeto de energia renovável localizado em Itiquira, Estado de Mato Grosso, Brasil. O projeto consiste numa central mini-hídrica a fio-de-água (sem albufeira e sem inundação) ligada à rede elétrica local. O projeto está registado como Mecanismo de Desenvolvimento Limpo segundo a Convenção Quadro das Nações Unidas sobre as Alterações Climáticas. A central mini-hídrica tem uma potência instalada de 4,2 MW e utiliza a água do rio Correntes. Ao substituir eletricidade gerada a partir de petróleo ou carvão, o projeto reduz a emissão média anual de 15.000 toneladas de CO2.

Localização: Mato Grosso, Brasil
Tipo: Central Elétrica Mini-Hídrica
Créditos: Certificados de Emissões Reduzidas (CER)